Connect with us

Saúde

Denúncia de vereador contra a saúde de Itabela deixa duvidas e se torna um ato muito pessoal



OFocoNoticias

Publicada

-

Denúncia  bastante vazia e motivada por uma razão pessoal e o que parece ter sido feita pelo vereador Pedro Henrique Bonfim. O vereador  falou muito sem apresentar provas , o que  demonstra um bom motivo, para que transpareça uma denúncia de uso próprio ou, desavença política.

A denúncia do parlamentar contraria suas próprias ações em defesa da saúde do município, como um fato ocorrido recentemente, onde o vereador intermediou a vinda de um amigo de Eunápolis, Maicon de Carvalho, para que sua filha fosse atendida aqui no hospital de Itabela e assim, fizessem uma boa propaganda do sistema de saúde do município, dizendo que, o hospital de Itabela está muito melhor comparado ao Hospital Regional  de Eunápolis.

Veja na íntegra o vídeo:

 

As criticas feita pelo parlamentar são fatos que sempre existiram, como dificuldades de transferências que depende de regulação do estado, poucos recursos para o tratamento do covid, hospital de pequeno porte que não tem como realizar determinado atendimento devido à estrutura da referida unidade de saúde. Não é permitida a internação de pacientes com sintomas leves ou graves do covid sem ser comunicado ao estado, pela legislação todos os pacientes com covid-19, tem que ser inseridos no sistema de regulação do estado.

As críticas feitas pelo vereador em parte fica sem sentido, quando ele diz sobre intubação e respiradores. O hospital de Itabela não é unidade de referencia para tratamento do covid-19, não tem respiradores, apenas Concentrador e cilindro de oxigênio e bala de o.2, que seria usado apenas para estabilizar o paciente pára remoção para uma unidade de referencia.A intubação seria feita dentro de uma UTI Móvel para uma transferência, se for intubado na unidade de saúde, pode dificultar a transferência do mesmo.

Foto: Divulgação rede social

Pelo entendimento de muitos, a denúncia é cheia contradições o que deixa muito claro que o parlamentar esta contrariado com fatos pessoais dentro da administração publica. Uma denúncia só pode ser feita depois de levantamentos documentais, com provas cabíveis  para cada caso.

O  acesso a documentos públicos, tem que respeitar o tramite regimental de cada poder. Através de oficio com data de expedição e respeitando o prazo estabelecido em lei. Pelo fato de estar vereador, não dar o direito de chegar ao órgão publico e já sair com os documentos desejados, tem que ser feito em oficio respeitando a legislação.

A denúncia feita por um vereador tem que ter as devidas provas em mãos. A denúncia sem provas pode resultar na perca do mandato, como aconteceu com dois vereadores da cidade de Conchas que tiveram seus mandatos cassados pela Câmara de Vereadores. Os dois foram acusados de quebra de decoro parlamentar. A matéria é do site G1.

Segundo o processo, os vereadores teriam feito denúncias contra o prefeito de Conchas, durante as sessões, sem apresentar provas, o que caracteriza crime de prevaricação.

O site OFocoNotícias, deixa o espaço aberto se houver interesse do parlamentar.

Comentários do Facebook

Em Alta

Copyright © 2021 - OFocoNotícias/ Email: ofoconoticias@gmail.com